You must be live and work in the UK Payday loans Have a history of poor borrowing

Tribuna de Nobres

18/06/2018
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Home

Jornal 27 Anos

E-mail Print PDF

Em julho de 1.990, o jornal Tribuna de Nobres come√ßava a circular e cinco anos depois j√° estava com sede pr√≥pria na cidade de Nobres. O dia era o mesmo 22 de julho e 27 anos depois, estamos aqui, superando as adversidades e as dificuldades econ√īmicas.

O momento econ√īmico n√£o √© dos mais prop√≠cios para comemora√ß√£o, mas o tempo de viv√™ncia √© um marco importante para a dire√ß√£o da empresa, onde a diretora Maria Eul√°lia de Souza tem dedicado especial tempo de vida para a preserva√ß√£o do jornal que idealizou e fundou com todas as dificuldades poss√≠veis.

Nesse per√≠odo, as adapta√ß√Ķes aos equipamentos n√£o chegaram com a mesma evolu√ß√£o, mas ainda hoje permanece ativa a empresa e com a presen√ßa em Nobres, por onde j√° se criaram in√ļmeras marcas e nenhuma delas se estabeleceu. At√© porque, o mercado √© pequeno e se manter de portas abertas tem que buscar alternativas, mesmo as mais dif√≠ceis e complexas, quando n√£o humilhantes do ponto de vista financeiro.

Ainda agora, com todas as dificuldades que o povo brasileiro enfrenta, at√© mesmo diante de uma recess√£o econ√īmica, eis que o Governo Federal resolve aumentar impostos atrav√©s do COFINS sobre os combust√≠veis, criando amplas possibilidades de aumentos de pre√ßos. N√£o bastasse tudo isso e ainda temos as condi√ß√Ķes clim√°ticas, com geadas na regi√£o Sul, que produzir√£o preju√≠zos no campo e aumento de pre√ßos no p√£o, nas verduras e outros produtos de origem rural, acrescentando a√≠ o transporte.

N√£o importa a regi√£o, os impostos atingir√£o a todos, em alguns estados, com mais for√ßa, como √© o caso de Rond√īnia, Bel√©m, Mato Grosso, Goi√°s, Distrito Federal e o Tocantins. A sobreviv√™ncia das empresas e da popula√ß√£o com a alta nos pre√ßos inviabiliza qualquer possibilidade de crescimento ou de investimento em melhoria.

Em Nobres, como a maioria das cidades da regi√£o denominada Baixada Cuiabana, que s√£o ‚Äúsat√©lites‚ÄĚ, estabelecidas ao redor da capital do Estado, a depend√™ncia de Cuiab√° para aquisi√ß√£o de mat√©ria-prima tem seus complicadores e, aos 27 anos de funda√ß√£o, estar em p√© √© quase um milagre.

E, nesta oportunidade, queremos (e devemos) parabenizar a diretora geral da empresa, Maria Eulália de Souza, pela persistência em manter aberta uma empresa, mesmo com todos os obstáculos possíveis, apenas ou tão somente pelo fato de defender a bandeira da informação.

√Č importante agradecer os leitores, os parceiros comerciais e todos aqueles que, de alguma forma estiveram conosco nessa trajet√≥ria. De forma especial ao ex-vereador Silvestre Campos, empres√°rio que sempre esteve atento √† data e homenageou o jornal no Parlamento, nos seus 25 anos de funda√ß√£o.

Outra homenagem especial (in memorian) é ao ex-prefeito Amélio Dalmolin que muito contribuiu para que a empresa se estabelecesse em Nobres. Ao casal (também in memorian) Adriano Silva/Anézia, companheiros da extinta Pousada Kisono, que tanto incentivou o trabalho de Maria Eulália.

E, 27 anos depois, permanecemos por aqui, graças a Deus e a muitos parceiros. Obrigado a todos em nome da diretora geral, Maria Eulália de Souza.

 

TRINCHEIRA LIV

Conex√£o Estranha O empres√°rio do ramo da comunica√ß√£o, preso em Nobres, gozava de muito prest√≠gio na comunidade local, tanto, que o celular dele continua sendo atendido por outra pessoa e teria sido entregue a uma outra pessoa que, aparentemente, nada tinha a ver com o tipo. E o mais engra√ßado √

Raz√£o desconsiderada

O impasse gerado entre a categoria dos profissionais da Educa√ß√£o e o Executivo municipal est√° longe de terminar em Nobres. Nenhum dos dois lados cede e o prazo para que os alunos voltem a estudar est√° sendo esticado. As negocia√ß√Ķes est√£o emperradas e a crise entre educa√ß√£o e governo permane
Banner
Banner
Banner
Banner