You must be live and work in the UK Payday loans Have a history of poor borrowing

Tribuna de Nobres

18/08/2019
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Home

Aliquam nec cursus pretium Sed adipiscing orci convallis vel dignissim amet. Auctor Ut mus metus lacinia ipsum pretium dolor nascetur odio Phasellus. Quis feugiat Cras habitant Proin molestie Ut Ut auctor ipsum ornare.

Como estar√£o nossos rios?

Na Semana do Meio Ambiente, questionar a qualidade da água que corre em nossos rios, apenas dois deles, que passam pela área central da cidade (Serragem e Nobres), é obter como resposta que dois e dois são cinco, mas podem ser quatro, sete ou nove, dependendo da escala em que são colocados quando o assunto é qualidade da água.

Longe dos quintais, os rios se tornaram o melhor lugar para se livrar do inc√īmodo do lixo ou qualquer outro entulho que possa atravancar o quintal. √Č uma forma indireta de suic√≠dio, mas tem sido assim e est√° sendo essa a forma com que se ‚Äúcuida‚ÄĚ do lixo e que se descuida da t√£o necess√°ria √°gua, que falta nas grandes cidades e por aqui temos em abund√Ęncia. √Č verdade, n√£o se sabe at√© quando.

Quem se dispuser a realizar uma pesquisa sobre a qualidade da água a partir da ponte sobre a avenida Moacir Parzianello até a embocadura com o rio Cuiabá, com certeza vai se alarmar com os níveis de coliformes fecais que a água pode apresentar.

Ao não cuidarmos com o devido rigor dos nossos rios, não vai demorar e teremos que encontrar outras alternativas de abastecimento da população, para não se falar no comprometimento da qualidade da água a partir de Rosário Oeste, passando por Acorizal, Distrito da Guia até Cuiabá, a capital das mazelas administrativas e de nenhuma preocupação com o Baixo Pantanal.

Assim como as frases ilustrativas de publica√ß√Ķes esp√≠ritas que assegura que ‚Äúnada dura para sempre‚ÄĚ, as inconsequ√™ncias de hoje com os nossos rios representar√° um alto pre√ßo no futuro. Isso porque n√£o industrializamos nada e consumimos aqui quase tudo o que vem de fora.

Tem sido louvável a atitude dos integrantes do Rotary Club de Nobres, de se preocupar com os rios de nossa cidade. Mas, o que faz a maioria absoluta dos munícipes? Ah! A culpa é dos governos. Qual dos governos? O da Dilma, do Pedro ou do Sebastião?

Se sabemos que um gole de inseticida faz mal, por que ingerirmos esse tipo de veneno? Se temos a certeza que o rio não pode se tornar uma rede de esgoto e que para ali deve ser encaminhada apenas as águas das galerias pluviais, porque insistirmos na falta de consciência e continuar insistindo na interligação de esgoto nas galerias?

Se isso não for verdade ou que não esteja ocorrendo, apenas uma ação minuciosa de pesquisa da amostragem da água é que determinará o nível de contaminação daquilo que habituamos a dizer, mas só dizer e nada fazer: preciso líquido daqui, precioso líquido acolá e blá-blá-blá.

O Dia Mundial do Meio Ambiente √© apenas mais uma data no calend√°rio das nossas caolhas decis√Ķes de n√£o nos importarmos com o que dever√≠amos de fato cuidar. Ent√£o, o dia 05 de junho √© isso, um dia como outro qualquer, afinal, quem vai com muita sede ao pote, bebe √°gua suja.

 

TRINCHEIRA XLII

Leitor Assíduo
Ele, para ficar antenado com Nobres, gosta de ler Trincheira. Dia desses, leu a coluna e se apressou em contar a outra pessoa que esta fora defendida pela coluna. Obrigado pela leitura e pela informação terceirizada. Como se vê, as

































Last Updated ( Friday, 17 July 2015 23:00 )

‚ÄúFiat Lux‚ÄĚ sobre as nossas esperan√ßas

Mais uma vez a cidade de Nobres vive os sobressaltos na conturbada rela√ß√£o entre o setor p√ļblico e o privado na quest√£o da sa√ļde. Essa ‚Äúincompatibilidade de g√™nios‚ÄĚ j√° dura mais de duas d√©cadas e todos os gestores que passaram por Nobres

Tráfego pesado, buracos e críticas

A cidade de Nobres convive h√° anos com um ‚Äújogo de empurra‚ÄĚ intermin√°vel da classe pol√≠tica e os resultados pr√°ticos disso tudo est√£o nas avenidas centrais da cidade, onde os buracos proliferam a cada esta√ß√£o chuvosa e onde est√£o implanta

TRINCHEIRA XLI

Cenário em Transição

A mudan√ßa de partido do governador Pedro Taques, saindo do PDT para o PSDB ou PSB pode provocar mudan√ßas consider√°veis no cen√°rio pol√≠tico mato-grossense e por aqui, por Nobres, caso ele prefira tucanear. Como ser√° que v√

Last Updated ( Wednesday, 08 April 2015 01:10 )

Page 9 of 38

Trincheira LV

√Ä Flor da Pele Um exorcista, por favor. A C√Ęmara Municipal de Nobres precisa chamar um padre e benzer o ambiente ou do contr√°rio, ‚Äúafastar‚ÄĚ os maus esp√≠ritos que rondam ali. Em dois anos e meio j√° se contabiliza ao menos um barraco por sess√£o. E por mais que se diga, a Casa de Leis tem a im

Turbulências no trajeto

Daqui pra frente, a campanha pol√≠tica come√ßa a se mostrar mais evidente, com as siglas pol√≠tico-partid√°rias buscando alinhamentos, promovendo reuni√Ķes de bastidores e se ajeitando para o ano que vem ‚Äď 2.020. Algumas observa√ß√Ķes j√° come√ßam a ser feitas e a administra√ß√£o municipal sob Leoc
Banner
Banner
Banner
Banner