You must be live and work in the UK Payday loans Have a history of poor borrowing

Tribuna de Nobres

19/07/2018
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Home News Governo do Estado pode liberar recursos para conclusão das obras na Marechal Rondon

Governo do Estado pode liberar recursos para conclusão das obras na Marechal Rondon

E-mail Print PDF

Paralisada por falta de dinheiro, as obras de infraestrutura turística extrapolaram o prazo de conclusão há muito TUR 2tempo e não depende da Prefeitura Municipal de Nobres a continuidade dos serviços. Aliás, nunca foi da alçada municipal, salvo uma contrapartida financeira para elaboração do projeto e o encaminhamento para os canais competentes.

Os recursos são de origem federal, do Ministério do Turismo, e a licitação foi realizada pela Sedtur, órgão encarregado de fiscalizar e de repassar os recursos para a conclusão da obra. A empresa executora dos serviços, a Terranorte Engenharia, vinha sendo cobrada desde o início de 2016 para que concluísse os trabalhos e a alegação apresentada era a de que o dinheiro estaria travado junto ao Governo Federal.

INFRA 1O então vereador Silvestre Campos (PR) foi um dos que acionaram a Sedtur para fiscalizar a obra e acompanhar o andamento do processo. Um engenheiro da Sinfra esteve em Nobres, acompanhado do engenheiro Indalécio, da Terranorte, quando os serviços ganharam um pouco mais de celeridade.

Com o processo político em andamento e a assunção de uma nova administração municipal, as obras continuaram paralisadas e gente esclarecida e com experiência em gestões anteriores trataram de atirar a responsabilidade sobre a administração municipal, por puro revanchismo político.

A conclusão das obras de infraestrutura turística urbana não é da competência da Prefeitura de Nobres e, recentemente, o prefeito Leocir Hanel (PSDB) posicionou-se junto ao Governo do Estado, cobrando do governador Pedro Taques a conclusão da obra.

O prefeito de Nobres, secretários e vereadores estiveram reunidos com o governador Pedro Taques, oportunidade em que o chefe do Executivo estadual prometeu a liberação dos recursos para a conclusão das obras até o fim de julho. O anúncio foi feito em alto e bom som, aliviando os representantes da população naquela reunião quanto às cobranças sobre os serviços que ainda estão paralisados.

De acordo com o que se informou, o governador Pedro Taques quer inaugurar as obras de infraestrutura turística até o fim deste mês.

LEOCIR 3Para o prefeito Leocir Hanel (foto/arquivo), o papel do município foi feito e vinha sendo feito, que era cobrar junto aos canais competentes a conclusão das obras. “Ainda bem que o governador Pedro Taques tem demonstrado carinho e respeito para com Nobres, anunciando a conclusão dos trabalhos”, frisou o prefeito Leocir Hanel.

Ainda nessa reunião, Pedro Taques anunciou que vai pavimentar um trecho de 9 kms de estrada, da MT-241 até a Vila da Roda d’Água, passando próximo de alguns dos principais atrativos turísticos e pela localidade denominada Vão da Serra, que liga a Roda d’Água à Vila de Bom Jardim.

A vontade política e os alinhamentos que pressupõem uma incursão do atual governador à reeleição é que permitem essas tomadas de posições, favoráveis aos interesses do município.

E o cumprimento de propostas pelo Governo do Estado tem o poder de  “catapultar” cobranças meramente revanchistas de adversários políticos da atual administração municipal. Trata-se de uma pressão que já vinha sendo sentida desde quando as obras tiveram início e, ironicamente, milhos foram plantados no meio daquela que seria a pista da avenida Marechal Rondon.

Faltando pouco para a sua conclusão, a obra foi deixada de lado pela empresa, que teria alegado falta de dinheiro para avançar com os serviços. A pista está se deteriorando e os serviços de refazimento da obra terá que conter o famoso aditivo.

Desde que seja concluída e com a qualidade necessária, que seja inaugurada e que mais essa novela chegue ao fim, com o revanchismo político indo para escanteio.

 

TRINCHEIRA LIV

Troca de Farpas Todos estavam no mesmo barco para destronar Silval Barbosa (MDB), agora, todos se voltaram contra Pedro Taques e a união histórica entre PMDB e PFL volta a acontecer só que, com a maquiagem da mudança de nome embora os ocupantes das naus sejam os mesmos. A política mato-grossense

Razão desconsiderada

O impasse gerado entre a categoria dos profissionais da Educação e o Executivo municipal está longe de terminar em Nobres. Nenhum dos dois lados cede e o prazo para que os alunos voltem a estudar está sendo esticado. As negociações estão emperradas e a crise entre educação e governo permane