You must be live and work in the UK Payday loans Have a history of poor borrowing

Tribuna de Nobres

18/02/2019
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Home News Rotam celebra 17 anos e números mostram capacidade técnica-operacional

Rotam celebra 17 anos e números mostram capacidade técnica-operacional

E-mail Print PDF
Rotam celebra 17 anos e números mostram capacidade técnica-operacional

Alecy Alves PMMT – Foto:Biaggi/PMMTBiaggi/PMMT

 

RTM 3Militar Mato-grossense, celebrou 17 anos na noite do último dia 21.06. Mesmo não sendo um batalhão do policiamento de rotina, mas de apoio e intervenção nas ocorrências mais complexas, sua capacidade tática e técnica-operacional pode ser mensurada em números.

Em 2017, por exemplo, a Rotam apreendeu mais de 200 tabletes de droga, principalmente maconha, e 120 armas, 40 delas pistolas. Também recuperou 47 veículos roubados, prendeu 305 pessoas em flagrante delito e capturou 45 foragidos da Justiça. Este ano, até maio, já contabilizou 123 prisões em flagrante, 20 foragidos capturados, 31 armas apreendidas e 30 veículos recuperados.

Criada pelo decreto 005/PM3/01, de junho de 2000, hoje o Batalhão Rotam integra o Comando Especializado (Cesp), juntamente com os batalhões de Trânsito, Ambiental, Cavalaria e Bope. Reúne em seu efetivo policiais treinados   para prevenção e repressão aos crimes de maior potencial ofensivo, além de ser referência na capacitação de PMs em Mato Grosso.

RTM 1Na solenidade do aniversário, o comandante Rotam, tenente-coronel Cleverson Leite de Almeida, falou do orgulho de comandar o batalhão onde atuou no início se sua carreira policial. Ele  assinalou que a unidade está prepara para dar suporte tático, técnico e logístico as outras unidades da PM na capital e interior contra crimes como assalto a banco e associação criminosa.

Leite lembrou de outras missões que a Rotam assumiu junto à sociedade no campo da prevenção e de incentivo à prática esportiva. Essas tarefas são desempenhadas, por exemplo, por meio dos projetos Jiu Jitsu e Rotam Extreme.  

O coronel Marcos Vieira da Cunha, comandante geral da PMMT, destacou a importância da Rotam dentro do sistema de Segurança Pública e disse que o aniversário é uma oportunidade de parabenizar e reconhecer publicamente “a dedicação e esforço desses incansáveis e empenhados defensores da paz social”. Cunha lembrou que a semente que gerou a Rotam foi plantada em 1972, com a criação do Sara(Serviço de Apoio e Repressão Armada), formada por um pequeno grupo de policiais. “Hoje é essa unidade forte, referência em confiança e credibilidade”, completou.

MEDALHA

O ato do aniversário teve também a imposição de ‘Mérito Tático Policial’, criada em 2016, como forma de homenagear policiais militares que desempenharam funções ou atividades que, de alguma maneira, contribuíram com a doutrina do Batalhão Rotam.

E ainda, a entregue de moção de aplausos ao sargento Adilson Francisco Leão, que este ano entrou para a reserva remunerada depois de mais de 30 anos de carreira militar, dos quais 12 dedicados ao Batalhão Rotam. Leão recebeu a homenagem das mãos do vereador Elizeu Nascimento, também sargento da Rotam.

Entre militares e civis que prestigiaram a solenidade estão o secretário da Casa Militar, coronel PM Wesney Sodré; coronel PM Jonildo José de Assis, secretário adjunto de Integração Operacional da Sesp; coronel Alexander Maia, comandante adjunto da PM; subchefe de Estado Maior, Sebastião Cruz, entre outros.  

RTM 2

 

 

Trincheira LV

B.O do B.O Um certo repórter policial não gostou nadinha da comparação de uma notícia com outra, acerca de um assassinato ocorrido no Bairro São José, dia 10, pela madrugada. Ele questionou que, entre dar um furo e ser furado há uma grande diferença. Ser furado (não pensar pornograficamente

Silêncio conveniente

Como o ar por aqui tem em seu contexto químico metade de oxigênio e outra metade de política, parece até estranho, até agora, esse silêncio sobre candidaturas majoritárias. Ninguém fala sobre o assunto sucessão municipal e ao menos um candidato segue a sua rotina, desde o ano de 2017, posici