You must be live and work in the UK Payday loans Have a history of poor borrowing

Tribuna de Nobres

26/01/2020
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Home Editorial Rumos e Definições

Rumos e Definições

E-mail Print PDF

A política municipal em Nobres parece que converge para um rumo que difere completamente do sistema político nacional. Longe da crise de confiança estabelecida no cenário nacional a partir da corrupção que ainda é marca nacional e a política exercida sorrateiramente por antigas cobras de um mesmo ofidiário, em Nobres, nomes respeitados e proeminentes do empresariado local estão descobrindo que o município precisa estar em boas mãos, sempre.

O anúncio da filiação de empresários locais ao Democratas causou um “frisson” social e a sigla ganhou olhares diversos dos comunitários, levando-se em conta alguns nomes veiculados e outros que ainda nem foram anunciados.

Talvez o nome mais impactante dessa lista seja realmente o do empresário Daniel Dalmolin, eternamente, o “menino” que jogava de goleiro e cresceu ajudando a família a se estabelecer com uma marca que é hoje respeitada regionalmente.

Sem dúvida, Daniel Dalmolin sempre foi o “menino” dos olhos das siglas partidárias, mas ele sempre teve a consciência de que pode dar a sua contribuição através do Rotary, fomentando parcerias que ajudam a saúde de um modo geral.

É importante salientar, Daniel Dalmolin deve filiar-se ao Democratas para ser um soldado a ajudar na solidificação de um projeto político, social e econômico para o qual os democratas estão sendo convocados. Não será candidato, antes, porém, um conselheiral entre os filiados, trazendo com a sua presença e participação muitos dos seus amigos.

O menino de ontem é o avô de hoje, tendo amadurecido com o trabalho, com a família e com os afazeres de um empresário que fez estabelecer uma “grife” em Nobres na área da alimentação, o Supermercado Polo Centro.

Junto com Daniel Dalmolin filiará o empresário e ex-prefeito Sebastião Gilmar da Silva, o Gilmarzinho da Ecoplan, uma das principais lideranças políticas de Nobres. Também não deve ser candidato, mas quer ajudar.

A ex-primeira dama e ex-gestora da área Social, Eva Valdinéia Pereira também será uma democrata a partir de 1.º de novembro de 2019.

Fala-se em Alan Odorizzi como nome a integrar o DEM, além do presidente do Rotary Club de Nobres, Eurico Padilha, de Haig Maciel, o que já deixaria a sigla ainda mais rica de jovialidade e de força de vontade.

E mais ainda, o ato de filiação de outros nomes, como o sub-prefeito Acendino Mendes, amigo pessoal do senador Jayme Campos que deve comparecer ao grande e promissor evento previsto para o dia 1.º de novembro.

Devem aportar por aqui o ex-governador Júlio Campos e o presidente regional do DEM, Fábio Garcia, abonando a ficha dos novos filiados ao Democratas.

A organização desse acontecimento fica por conta do presidente José Dias Filho e do secretário do partido, Marcos Cheba.

A sigla (o DEM), até onde se sabe, quer formar uma aliança, um pacto com o atual gestor de Nobres, Leocir Hanel, dando imensa contribuição para que o município de Nobres continue sendo bem administrado, com equilíbrio fiscal e investimento na estruturação do município.

A esperança maior é que o prefeito Leocir Hanel defina a sua posição partidária e passe a dialogar com os grupos políticos, colocando posições claras sobre o seu projeto de reeleição e o desenho político para o ano que vem.

Não se pode apressar o prefeito, mas também não se deve esperar por muito tempo por uma definição em relação ao esboço do que deve ser o processo político para 2.020. Todos querem ajudar, mas há pressa na definição dos rumos.

Vamos ver o que teremos por aí a partir do primeiro dia de novembro de 2019, na Câmara de Vereadores.

 

Trincheira LVI

Fonte dos Desejos A situação anda tão braba que tem gente metendo a mão no dinheiro da “fonte dos desejos”, aquele lugar aonde a gente joga as moedinhas e pede que se cumpra um desejo. Tem muita gente por aí com a “fiação trocada” e com a mente em eclipse, mas esse curto circuito só a

Diálogo e coerência

Todos nós conhecemos os relatos sobre as históricas tragédias de guerra, hora, dia e o porquê dos acontecimentos nefastos no mundo. Esses fatos estão associados ao PODER e por ele são bem poucos os que cedem. Poucos conhecem sobre as guerras que não se concretizaram porque a PAZ foi selada. Al
Banner
Banner
Banner
Banner