You must be live and work in the UK Payday loans Have a history of poor borrowing

Tribuna de Nobres

21/01/2021
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Home Trincheira TRINCHEIRA LVIII

TRINCHEIRA LVIII

E-mail Print PDF

Tempos Reflexivos

No ano 2.000, vi e ouvi vereadores reclamarem que ajudaram em batizados, casamentos, vel√≥rios e festas familiares para receberem ingratid√£o nas urnas. Foi em mesma √©poca que os eleitos daquele ano reclamavam da negativa nas urnas. E o que √© pior, sem nem os repasses constitucionais da C√Ęmara Municipal, de Nobres, √© claro. O povo deu um coice em vereadores naquele ano, h√° 20 passados.

- Nada dura para sempre e a humildade, quer dizer, a falta dela, já fez muitas vítimas nesse trajeto.

Tempos Reflexivos II

Vou vendo, enquanto der, os mesmos comportamentos de antanho nos dias de hoje. Vereador apontando dedo ao pr√≥ximo e se dizendo ‚Äúautoridade‚ÄĚ. Vereador aproveitando-se das atividades do Executivo e mostrando imagens nas redes sociais de que estava ao lado do prefeito nas realiza√ß√Ķes, acreditando ou fazendo acreditar que esse seria o seu papel.

- O eleitor, que n√£o √© nenhum b√ībo, via tudo e deixou para dar√° o troco agora, em 15 de novembro, excepcionalmente.

Tempos Reflexivos III

Ainda h√° muitas m√°scaras por cair nesse desdenhar da sabedoria popular. ‚ÄúMeu povo‚ÄĚ nunca passou de linguagem para enfeitar p√© de pav√£o. ‚ÄúVoc√™ est√° falando com autoridade. Eu sou autoridade‚ÄĚ, tudo isso passa sem nem ao menos se saber o gosto do que √© representatividade popular. √Č compet√™ncia delegada pelo povo e chega um instante que o povo retira essa confian√ßa, mesmo com todos os agrados poss√≠veis.

- Humildade não é coisa que se pendure no varal e após dias passados se vá lá e recupere.

Período Eleitoral

√Č quando personalidades an√īnimas se erguem, quase sempre para atacar o poder. O resultado da elei√ß√£o vem como uma borracha, para apagar o muito falar e colocar os falastr√Ķes no anonimato, de novo. O que se viu de √°udios por a√≠, atacando os pol√≠ticos, n√£o foi brincadeira. √Č o momento em que parece que se abrem os sarc√≥fagos e sombras da noite se arvoram de grandes entendedores de gest√£o p√ļblica e passam a atacar.

- Pobre mundo político.

Tadinhos

Alguns cabos eleitorais que atuam profissionalmente a cada quatro anos e se dizem conquistadores de eleitores, costumam cobrar fortunas de candidatos para cooptar votos. Nesta elei√ß√£o, os mais conhecidos falharam e uns e outros ficam por a√≠ divulgando boatos sobre supostas urnas emperradas e recursos eleitorais imagin√°rios. S√£o t√£o c√īmicos que sequer ousam dividir suas trag√©dias com os candidatos para os quais trabalharam e ficam esperando por milagres inventados.

- Bem, tem uma urna que não abriu, mas isso foi lá no cemitério do Sertão do Cabrobó. Conta outra seu cabo.

Tadinhos II

Tem muitos cabos eleitorais que j√° podem pedir m√ļsica no Fant√°stico, n√£o vencem h√° tr√™s elei√ß√Ķes, sem se falar na elei√ß√£o de presid√™ncia de bairro. Aqui em Nobres, tem um que gosta de se situar s√≥ na contram√£o, j√° foi atropelado em tr√™s elei√ß√Ķes e pode pedir a m√ļsica que quiser.

- Como sugest√£o, serve essa: ‚ÄúVamos ser outra vez n√≥s dois;√ā¬†Vai chover PINGOs de amor...‚ÄĚ.

Sub-100 ‚Äď O Retorno

Depois de um longo e tenebroso inverno, o Sub-100, que envolve os atletas em forma da Prefeitura de Nobres, voltou a ativa e o Paulo Roberto nem passou o placar do jogo. Será como foi? Depois de ver como são os candidatos a vereadores e de saber como a maioria deles se portou, o jeito é bater uma bolinha pra desestressar.

- Precisaria de uma peti√ß√£o para se saber como foi o resultado?√ā√ā¬†

Novidade Banc√°ria

Os bancos e empresas credoras oferecem empr√©stimos consignados a aposentados e pensionistas, geralmente, garot√Ķes com mais de 65 anos, em at√© 90 meses e n√£o fazem seguro por serem pessoas idosas. Isso seria uma maravilha n√£o fosse a bomba estourar no colo dos herdeiros. √Č uma picaretagem inomin√°vel, onde os credores oferecem seus empr√©stimos todos os dias atrav√©s de mensagens.

- 80 anos de idade e um empr√©stimo de 80 suaves presta√ß√Ķes, √© muita confian√ßa na sa√ļde do cliente. Parentes que aguardem a bomba de efeito retardado.

‚ÄúGuerra Particular‚ÄĚ

No grupo de whatsapp, denominado de democr√°tico, uma √ļnica pessoa trava uma batalha bem pessoal e relativamente contra a imagem do empres√°rio Leocir Hanel, buscando desqualificar a pessoa do candidato. H√° mais de 30 anos em Nobres, como pode algu√©m com pouco tempo no munic√≠pio buscar a ‚Äúdestrui√ß√£o‚ÄĚ da imagem de um av√ī, de um pai e um esposo apenas pelo fato de o empres√°rio estar defendo a reelei√ß√£o.

- Perseguição gratuita?!

‚ÄúGuerra Particular II‚ÄĚ

Desconstruir a imagem para favorecer a quem? Ou será que os adversários do candidato Leocir compartilham desse mesmo pensamento? Não é de se acreditar nessa proposta, até porque ninguém é inimigo pessoal e a ideologia é que define o momento. Algo que se consiga provar, o caminho certo é a justiça. O resto terá sido meramente ataques pessoais. E quando a política passar?

- Desconstruir o que se levou uma vida toda para ser feito. De onde veio e o que quer com isso? A bagagem, por vezes n√£o reflete os anseios pessoais.

Eleição Sem Favoritos

Mas √© para vereador, onde a disputa est√° acirrada e tem at√© grupo denominado de mais forte, o chamado ‚ÄúGrupo da Morte‚ÄĚ, de onde pode sair dois nomes. A disputa √© grande e os nomes dos candidatos s√£o os mais ventilados, que √© o que representa o 10, aliado do 45 na majorit√°ria. Um p√™nalti pra cada um, errou est√° fora.

- Republicanos em guerra, mas é pelo voto do eleitor.

Favoritismo

O candidato Leocir Hanel (PSDB), que est√° na luta pela reelei√ß√£o, largou na ‚Äúpole position‚ÄĚ na corrida eleitoral de 2.020. Leocir Hanel predomina com 69,92% dos votos v√°lidos, j√° a candidata advers√°ria, Simone Aguiar (PSB), teria 30,08% dos votos v√°lidos. O universo de pessoas entrevistadas √© o de 372, realizada entre os dias 10 e 11 de outubro de 2020 e a margem de erro √© de 5%, com intervalo de confian√ßa de 95%. A divulga√ß√£o vem sendo realizada por todas as m√≠dias dispon√≠veis.

- A encomenda da avaliação eleitoral é da Nobres FM.

Candidatos por Tonelada

Estão por aí, trombando uns aos outros na correria pelos votos. Assim como na Bíblia, muitos serão chamados e poucos os escolhidos. O ruim é que, sempre ocorre, de contar com uma gente ruim de escola que nem imagina o que é legislar, ler direito nem pensar, e que está nesse vestibular. Vá falar que um deles não vai ser eleito... briga na certa.

- Todos apostam em si mesmos. Só onze estarão na lista.

Bicho Pegando

Tem gente apostando as √ļltimas fichas na elei√ß√£o √† vereador, ainda que as chances sejam reduzidas, mas est√° apostando. √Č como chutar a canela de um advers√°rio s√≥ pra ver se ele reage. Correr atr√°s do preju√≠zo seria tudo? S√≥ que n√£o, a sorte est√° lan√ßada e a torcida contra o jacar√©, s√≥ isso n√£o resolve, ele vai te morder.

- Em alguns casos, só a sorte não ajuda, é preciso muito mais que isso.

Previsão do Previsível

'Aforante‚Äô o refor√ßo pleon√°stico/redundante, em um certo grupo na disputa, quase todos os candidatos trabalhariam para puxar votos para um. Seria o caso de Rog√©rio Fraz√£o, um oposicionista respeitado e de demonstrada capacidade como parlamentar, atuando dentro de uma linha de a√ß√£o com c√°lculo cir√ļrgico do seu papel como representante popular. N√£o tem sido agressivo e tem uma pauta de trabalho conduzida pela √©tica e longe da incoer√™ncia como parlamentar.

- Se estiver com a percepção errada, só saberemos no day after ou quem sabe no dia 15 de novembro, mesmo.

Fim de Ano/Limpeza

√Č algo fora do comum, a capacidade de as pessoas produzirem entulhos nos quintais. Tem gente que consegue produzir no m√≠nimo uma tonelada de entulhos a cada semestre e vai e coloca √† porta e se vire o pessoal do setor de limpeza urbana municipal. De onde vem, eis a pergunta. Isso em cada im√≥vel, multiplique isso por cinco mil.

- Ah! S√£o Sujismundo que nos proteja.

Demarcação de Território

Tem vereador ligando, um a outro, para abordagem sobre territ√≥rio demarcado. A presun√ß√£o √© de que o sujeito (neste caso, oculto) seja dono de uma certa ‚Äėcapitania‚Äô e ali estaria tudo dominado. Realmente, o eleitor tem livre arb√≠trio e n√£o ser√£o as rel√©s pretens√£o de propriedade do voto que possa alterar o inalter√°vel.

- √Č uma p√©ssima forma de participar do processo, dito democr√°tico.

Confus√£o de Pensamentos

N√£o √© porque o eleitor anda anunciando que vai votar ‚Äúem branco‚ÄĚ que algu√©m pense que esse voto j√° seja seu (dele ou de outrem). Vale lembrar, a profus√£o de candidatos que est√£o √† cata de eleitor e n√£o tem sido f√°cil convencer o eleitor a votar. Que o digam os candidatos que est√£o por a√≠, buscando um lugar... seria ao sol, mas √© ao ‚Äúar condicionado‚ÄĚ.

- Como já dizia o ecologista de carteirinha: “um lobo (Guará) incomoda muita gente, o que não dizer de dois lobos.

Pergunta Frequente

Quantos dentre os 11 atuais vereadores ficarão? Diz-se que quando o prefeito vai bem, todos os demais coadjuvantes vão bem. Se a cidade melhora é porque tem vereador. Pensando assim, 06 dentre 11 devem ficar e até 07, por conta dessa linha de pensamento. Mas o vereador precisa mostrar o que fez e como fez. Se ajudou o prefeito a administrar, se contribuiu buscando recursos para o município.

- Se trabalhou e mostrou, vai poder requisitar uma segunda chance.

Disputa Majorit√°ria

O prefeito Leocir Hanel (PSDB) est√° em campanha e j√° colocou o seu bloco na rua. De outro lado, a candidata dra. Simone Aguiar est√° dividida entre o estado de sa√ļde do esposo, Esmeraldo Ribeiro e a campanha pol√≠tica. Obviamente, a sa√ļde do companheiro em primeiro (primeir√≠ssimo) lugar e a pol√≠tica em plano secund√°rio. Est√° cumprindo tabela e todos sabem que n√£o est√° na disputa por inteira.

- Os candidatos proporcionais da chapa precisam tocar o barco.

Corrente Positiva

Os Hanel assim como toda a comunidade est√° em ora√ß√£o pelo m√©dico Esmeraldo Ribeiro. Como costuma destacar o prefeito Leocir, advers√°rio pol√≠tico n√£o √© inimigo. Sendo assim, essa corrente positiva tem que continuar e queira Deus que o dr. Esmeraldo esteja com a sa√ļde restabelecida em breve. A melhora significativa do paciente coincide com uma onda de negativismo expressada pelas redes sociais recentemente.

- Enquanto uns oram e pensam positivo, algumas aves agourentas são tiradas de circulação pela corrente de fé.

Invas√£o de Privacidade

Em nome da informa√ß√£o, ningu√©m precisa se posicionar como o cavaleiro do apocalipse e tentar invadir a privacidade familiar para saber como est√° o paciente. √Č de uma m√° influ√™ncia esse tipo de comportamento, onde algumas pessoas buscam a invas√£o da necessidade absoluta de serenidade em momento dif√≠cil por mera curiosidade.

- São os arautos da maledicência. Cuuuurrrruzes!

Marca Forte

A Educa√ß√£o √† Dist√Ęncia que j√° tinha o perfil de ser o modelo do futuro est√° cada vez mais presente no cotidiano de nossa gente. A Universidade Paulista (UNIP) tem uma extens√£o em Nobres pela qual o vereador dr. Andr√© batalhou muito. Marcou presen√ßa na inaugura√ß√£o e continua na linha de frente em prol da educa√ß√£o de nosso povo, porque as melhorias sociais e econ√īmicas caminham junto com uma boa educa√ß√£o.

- Educação superior e qualidade de vida, juntos.

Armação Limitada

O atual secret√°rio de Turismo e Cultura de Nobres, Daniel Martins da Cruz, teve a necess√°ria clarivid√™ncia ao perceber que estaria sendo deixado de lado ou marginalizado em evento do Governo do Estado realizado em Nobres na √°rea afim, na entrega de diplomas √† guias tur√≠sticos em Bom Jardim. Engra√ßado, pessoas sem representatividade oficial ‚Äútomaram‚ÄĚ posse do evento e estavam propensas a realizar o ato sem a participa√ß√£o do munic√≠pio.

- Só que não, deu errado e o secretário desfez a tentativa desastrosa.

Armação Limitada II

Ao contatar com o Governo do Estado, o secretário Municipal de Turismo de Nobres anunciou que o município tinha interesse, e não seria diferente isso, em participar do evento com cerimonial municipal. Aí é que deu errado... o pessoal civil, em equipe, foi destronado e a armação, limitada aos interesses nada altaneiros, foi desarmada. E Daniel Martins foi incisivo, cortou a galera de outra galáxia, botando ordem na casa para descontentamento de uma troupè inteira.

- Desarmados na Hora H.

Armação Limitada III

Durante o evento, sob nova dire√ß√£o, Daniel Martins comandou o cerimonial e deixou de fora a equipe intergal√°tica, n√£o dando vez e nem voz, nem mesmo a eterna presidente de uma entidade, dita dos guias tur√≠sticos. Os visitantes levaram at√© um deputado √† tiracolo. Barrados no baile amea√ßaram pedir a cabe√ßa do secret√°rio. Que coisa, hein!? √Č um pessoal que tem fama de auto-afirmar que elege vereador e tem poder sobre o eleitor sem nem morar aqui.

- Nem sabia que o eleitor de Nobres atende solicitação de voto por telepatia. Bem, a eleição está aí e vamos aguardar.

Last Updated ( Thursday, 03 December 2020 19:58 )  

TRINCHEIRA LIX

Segundo Tempo A reelei√ß√£o √© um processo complexo e de dif√≠cil entendimento, mas no caso espec√≠fico de Nobres, em 2.020, deste √© poss√≠vel tirar muitas li√ß√Ķes e talvez a maior delas ter√° sido a ‚Äúguerra‚Äô que vem sendo travada pela recoloca√ß√£o no servi√ßo p√ļblico. Quem perdeu quer um lug

Novas caras, velhas ilus√Ķes

O ano de 2.021 começará com um processo político e administrativo novo, com alguns novos vereadores e um pensamento velho, onde alguns acreditam que conseguirão promover uma revolução no cenário político local. São os entusiasmados novos edis, eleitos para o primeiro mandato com a cabeça a
Banner
Banner
Banner
Banner