You must be live and work in the UK Payday loans Have a history of poor borrowing

Tribuna de Nobres

04/12/2020
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Home Política Estado Riva tenta descartar possibilidade de segundo turno nas eleições

Riva tenta descartar possibilidade de segundo turno nas eleições

E-mail Print PDF
Gilmar_Riva_640x328Pela experiência política que têm, estando no poder há pelo menos 16 anos como deputado estadual, o deputado José Riva (foto, a direita, com Gilmarzinho) está com a imagem nos sites de notícias da capital falando da sua entrevista a um programa de rádio (Rádio Cidade), onde abordou entre outros fatos, a possibilidade de segundo turno nas eleições em Mato Grosso.
Apesar de tentar descartar essa possibilidade, a linha de raciocínio do deputado progressista é a mesma que foi apresentada por um analista do site AOL de notícias. Riva acredita que 80% dos eleitores mato-grossenses já decidiram em quem votar e restariam, nesse caso, 20% que se dividiriam entre indecisos, votos nulos e brancos.
Os analistas que sugerem a possibilidade de segundo turno jogam com esses números e acreditam que Silval já chegou ao seu limite de aceitação popular enquanto o candidato Mauro Mendes surge em ascensão e Wilson Santos ainda pode melhorar o seu desempenho. A sondagem do Ibope apontaria Silval com 41% e Mauro Mendes, Wilson Santos e Magno (PSOL) juntos somariam 38% dos votos, ou seja, a 3% da soma total de votos do primeiro colocado. Se ambos melhorarem o desempenho, a soma dos votos dos três poderia superar os supostos 41% de intenção de votos de Silval, o que levaria a eleição ao returno.
Pelo que se sabe da entrevista, o deputado Riva tenta colocar pilha nos indecisos para decidir logo em primeiro turno. Mas uma eleição decidida em segundo turno seria boa para todos, tanto na análise das propostas quanto na possibilidade de os cabos eleitorais ganharem um fôlego financeiro a mais no returno das eleições.
Pela experiência e pelo cacife eleitoral de que dispõe, o deputado Riva joga pesado para afastar essa possibilidade, mesmo sabendo que o candidato Silval Barbosa não empolga o eleitorado tanto quanto Blairo Maggi ao Senado e Sérgio Ricardo a deputado estadual.
Fica para 03 de outubro a resposta certa, dividida entre os analistas políticos que apostam na decisão em segundo turno para as eleições ao governo de Mato Grosso e o deputado Riva, que joga todo o seu prestígio político para evitar uma reação das oposições.
 

TRINCHEIRA LVIII

Tempos Reflexivos No ano 2.000, vi e ouvi vereadores reclamarem que ajudaram em batizados, casamentos, velórios e festas familiares para receberem ingratidão nas urnas. Foi em mesma época que os eleitos daquele ano reclamavam da negativa nas urnas. E o que é pior, sem nem os repasses constitucion

Opostos em desencontro

Se alguém se propuser a analisar o momento político em Nobres, pode não encontrar parâmetro para o que se vê e está colocado ao eleitorado e a toda comunidade municipal, sem distinção, neste ano de 2.020. Em um município de grandes contendas políticas, com até quatro nomes na disputa, nest