You must be live and work in the UK Payday loans Have a history of poor borrowing

Tribuna de Nobres

20/08/2018
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Home Editorial

Editorial

Pragmatismo x Empirismo

O novo caminho velho estabelecido a partir de algumas siglas partid√°rias em Nobres est√° deixando as paredes (cheias de ouvidos) das reuni√Ķes internas e vazando a opini√£o p√ļblica acerca de um puritanismo nunca antes visto na pol√≠tica local.

As anunciadas rejei√ß√Ķes a pessoas e a partidos pol√≠ticos que escapam por entre os dedos ou saem da boca de algumas pessoas, inadvertidamente ou por querer mesmo expressar isso, vem fazendo estabelecer em Nobres um cen√°rio at√© ent√£o desconhecido, de um movimento pol√≠tico revolucion√°rio e praticado s√≥ por imaculados.

Nada contra essa pretens√£o, mas tudo indica que a vida p√ļblica em Nobres se resumir√° ao antes e o depois das elei√ß√Ķes municipais deste ano. Provavelmente, a partir da entrada em cena de alguns pseudopol√≠ticos, alguns dos quais propondo vetos a nomes apresentados, mas sem apresentar, de ‚Äúper si‚ÄĚ, um cacife eleitoral convincente e sem conhecer o que √© ir de casa em casa pedindo voto.

Este que veta aquele, que vetou aqueloutro e que ser√° vetado depois. Este ser√° o ano do ‚Äúveto‚ÄĚ, √© de se acreditar, mas sem todos conhecerem, de fato, como funciona os bastidores da pol√≠tica em Nobres.

A cultura do pragmatismo ainda n√£o chegou √†s camadas sociais mais pobres e mesmo dentre os denominados da classe m√©dia onde, nos anos anteriores, n√£o foi o que se viu e sim a velha tese da pol√≠tica cuiabana, que diz: ‚Äúfarinha pouca, meu pir√£o primeiro‚ÄĚ.

At√© porque, infiltrados entre os pragm√°ticos e puritanos est√£o algumas pessoas de reconhecida rejei√ß√£o, conquistada por pr√°ticas anteriores nada convencionais. Est√£o em meio aos puritanos, alguns nomes que ainda hoje, n√£o se recomendaria as suas beatifica√ß√Ķes.

Tomemos por exemplo o que ocorreu em 2012, quando muitos defenderam a reelei√ß√£o de um candidato que detinha a m√°quina p√ļblica em Nobres. Naquele per√≠odo, o pragmatismo foi deixado de lado e a √ļnica vis√£o que se tinha do governante √© de quanto ele poderia oferecer para conquistar aliados.

Atualmente, por uma ou duas caras novas que estão aí, a política está sendo feita de modo pragmático, mas com gente se auto intitulando como uma espécie de precursor de um novo tempo.

E entre os pragm√°ticos n√£o estariam pessoas interesseiras ou interessadas em algum tipo de vantagem? Como o pragmatismo conviver√° com o tamanho dos convergentes ao novo modelo de fazer pol√≠tica? S√£o tantas as perguntas e a mais importante delas √©: ‚Äútodos os pragm√°ticos pensam no bem de Nobres?‚ÄĚ.

E o pragmatismo inclui uma legi√£o de pretensos candidatos proporcionais que se apresentam pleiteando, a priori, recursos para custeio de campanha? De perto de uma centena de proporcionais, apenas 11 vingar√£o, mas, como conviver com esse ‚Äúbatalh√£o‚ÄĚ a choramingar diuturnamente, querendo dinheiro para a campanha?

A pol√≠tica, infelizmente, ainda √© feita com base emp√≠rica, salvo algumas exce√ß√Ķes cient√≠ficas, trazidas por vendedores de cadernos de opini√Ķes p√ļblicas que satisfa√ßam a gregos e a troianos.

Ent√£o, daqui at√© as elei√ß√Ķes, teremos uma dura batalha sendo travada, entre os pragm√°ticos e precursores de um novo modelo de pol√≠tica, √† base daqueles que t√™m sempre o direito reservado de atirar a primeira; contra os que acreditam que tudo ainda funciona atrav√©s do curandeirismo e de experi√™ncias de outrora. O tempo por testemunho.

Last Updated ( Tuesday, 07 June 2016 18:38 )

 

Mam√£o com a√ß√ļcar?

Afinal, qual seria o posicionamento p√ļblico do PSDB, que iria al√©m das cercanias partid√°rias em rela√ß√£o ao nome que deve apresentar √† sucess√£o municipal aqui em Nobres? Alguns advers√°rios ‚Äúde ningu√©m‚ÄĚ, j√° que n√£o h√° candidatura posta

Os 51 Anos de Nobres

Longe daquele √™xtase e da festan√ßa exagerada de 2012, quando o gestor p√ļblico trouxe para Nobres a renomada dupla mineira Victor e Leo, de n√≠vel nacional, acalentando o sonho da reelei√ß√£o, em 2016, a programa√ß√£o do anivers√°rio √© modesta.

N√£

Last Updated ( Thursday, 12 May 2016 19:13 )

Incógnita ou variável?

O ano de 2016 é reconhecidamente um ano político municipal, quando partidos e candidatos se alinham para a disputa eleitoral. No caso específico de Nobres, o cenário político sugere uma incógnita com muitas variáveis, capaz de proporcionar dor


Velhos clichês em desuso

Os bons exemplos, quando eles ocorrem de cima para baixo, acabam gerando bons frutos, mesmo em situa√ß√Ķes e cen√°rios onde a cultura ainda √© arraigada e com forte apelo √† mesmice. Nos munic√≠pios mato-grossenses e em algumas cidades onde os h√°bit

Page 6 of 27

TRINCHEIRA LIV

TV Sujeita... ... a chuvas e trovoadas. E l√° naquele estabelecimento, o torcedor do Flamengo foi pra ver o jogo contra o Gr√™mio, aproveitando para degustar um bom vinho. E quando o Flamengo ia ao ataque, o vento derrubava o cabo de vassoura que segura a antena. Malandramente, o cabo de vassoura ca√

Raz√£o desconsiderada

O impasse gerado entre a categoria dos profissionais da Educa√ß√£o e o Executivo municipal est√° longe de terminar em Nobres. Nenhum dos dois lados cede e o prazo para que os alunos voltem a estudar est√° sendo esticado. As negocia√ß√Ķes est√£o emperradas e a crise entre educa√ß√£o e governo permane
Banner
Banner
Banner
Banner