You must be live and work in the UK Payday loans Have a history of poor borrowing

Tribuna de Nobres

24/05/2019
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Home Colunas Opinião

Opinião

CAMPO ABERTO E OUTRAS POSSIBILIDADES

Ainda é bastante prematura qualquer abordagem sobre esse choque sofrido pela comunidade nobrense com o infausto acontecimento que ceifou a vida de Paulina Dias da Silva (Prof.ª Paula), inequivocamente, uma das principais, senão a principal liderança política feminina em Nobres.

A perda, desde já, começa a ser contabilizada a partir desse inesperado acontecimento que chega com a alteração significativa no cenário político regional com a saída de Pedro Taques de cena, após fragorosa derrota nas urnas.

E junto com isso, deputados novos, senadores novos e, enfim, uma bancada federal renovada. As relações passam a ser outras em que pese cada um ter sido eleito pelo Estado e não apenas para atender seus eleitores e suas agremiações políticas.

No âmbito da política doméstica, em Nobres, a ausência da prof.ª Paula será sentida, doravante, como uma liderança que tinha nas famílias o seu terreno favorito para as ações sociais, seja através de aposentadorias, na interlocução com os governantes para a viabilidade de pleitos individuais e coletivos. A líder, recém-desaparecida, foi de uma religiosidade incontestável como catequista e frequentadora assídua da Igreja Católica, estabelecendo contato direto com integrantes de todas as camadas sociais.

A prof.ª Paula é oriunda de uma família eminentemente política, natural de Nobres, nascida no setor rural, com conhecimento, como ninguém, das causas sociais, das carências de sua gente. Sua gente são todos aqueles com os quais convivia, cotidianamente, como integrantes das suas relações interpessoais.

Ex comerciante, professora aposentada com base na Sociologia, Paula enveredou pelo campo da política desde aquele dia em que foi convidada a compor, provavelmente, a cota feminina das candidatas do PFL. Presume-se, e ela um dia disse, que seria um convite despretensioso, feito pelos nomes liberais que estiveram com ela.

Nem tão surpreendentemente assim, conquistou uma das vagas ao Parlamento e desde então aflorou o seu lado político que se encontrava apenas a espera de um chamado.

Vereadora até 2012, foi uma combatente nas hostes do então candidato Gilmarzinho da Ecoplan, contribuindo para que aquele chegasse ao governo, tornando-se, mais tarde, a chefe do Gabinete Institucional da Gestão 2013/2016, de onde saiu para se tornar vice-prefeita de Nobres, tendo gasto muita sola de sandálias para conquistar o eleitor, ajudando na eleição do atual prefeito Leocir Hanel.

Então, sendo essa liderança que foi, com uma trajetória de lutas e de conquistas, sem Paula, abre-se uma lacuna no campo político em Nobres, onde, com os resultados das urnas de agora em Mato Grosso, por aqui, há um campo aberto e as correntes partidárias devem sentar-se para traçar metas e avaliar os números que saíram das urnas em 07 de outubro.

O Democratas parece que já está trabalhando a formação de uma nova corrente partidária e há movimentações nos bastidores onde aparecem aliados do ex-candidato Esmeraldo já sendo vistos em outras alas. Tudo indica que parte do grupo que ficou em segundo lugar nas eleições de 2016, esfacelou-se com sinais de que o reeleito deputado Eduardo Botelho seja a referência para a formação de um novo conjunto embora a sua votação por aqui não tenha sido estrondosa.

Com o Democratas no poder central no Estado, a tendência é a de que por aqui muita gente tente alçar voos mais altos.

No PSB, o ex-prefeito de Jaciara, Max Russi, é a maior estrela e seus aliados por aqui devem entrar nessa onda de otimismo com a pretensão de mais uma disputa eleitoral doméstica. Mas pra isso é preciso fortalecer o grupo e renovar pensamentos e nomes.

O PSDB que é situação em Nobres, tem praticamente dois anos para reorganizar a casa e manter a gestão política alinhada com a gestão administrativa, onde o prefeito Leocir Hanel é o principal nome, com o vereador André Avelino entre os tucanos ao lado da vereadora Zaira Valandro, também pertencente a sigla. Enfim, é hora de repensar e de buscar reorganizar-se.

E o PSD não deixa por menos, com três vereadores, cada um seguindo em direções diferentes, e a agremiação sem rumo. Salvo se o ex-prefeito Gilmarzinho resolver ‘rearrumar’ a casa e voltar a exercer a sua inconteste liderança, mantida há mais de uma década. Outro que pode contribuir pela reorganização do PSD é o líder rural e sub prefeito Acendino Mendes.

É claro, sem a presença da inesquecível Paula.

De outra parte, o ex-prefeito Flávio Dalmolin também é uma liderança política por estas bandas e com a eleição de Xuxu Dal Molin, vê o seu prestígio inalterado e com chances de ditar ordens por aqui.

O curioso é que algumas vozes que se erguiam com um certo rompante em relação ao cargo majoritário para 2020, em Nobres, parece que ficaram sem chão por conta das urnas de agora.

Mas a verdade é que o cenário político, sem ela, está aberto, mas não a qualquer um... a qualquer pseudo liderança. Há que se ter densidade eleitoral e livre trânsito em todas as camadas sociais, a vaga será preenchida através de “teste seletivo” popular, habilite-se se puder e se preencher os pré-requisitos.

 

Percepções tardias

B.F. de Souza

O município de Nobres tem buscado seu espaço dentro do cenário turístico nacional desde os tempos em que foi criada a primeira pasta de Turismo, na gestão do então prefeito Devair Valim de Melo (1997/2000), ocupada pelo pioneiro e

Sobre o muro

Elias Queiroz Carvalho

O muro é uma construção, comumente usada para separar quintais e estabelecer privacidade.  E também serve como proteção em caso de algum vendaval futuro. Mas também pode ser utilizado (politicamente falando) para algu

Last Updated ( Wednesday, 24 February 2016 19:07 )

No nosso tempo...

No nosso tempo...
Read more...

Pais salvem seus filhos que a guerra vai começar

Violência nos estádios gera morte. Estamos indignados e contra a violência no futebol, que tem ganhado as ruas na forma de brigas violentas entre torcidas organizadas.

         Membros de torcidas organizadas têm usado a internet para marc

  • «
  •  Start 
  •  Prev 
  •  1 
  •  2 
  •  3 
  •  4 
  •  5 
  •  6 
  •  7 
  •  8 
  •  9 
  •  10 
  •  Next 
  •  End 
  • »
Page 1 of 25

Trincheira LV

Palpite Aí? Acusado de vender sentença, o juiz de MT, Evandro Stábile, além da tornozeleira eletrônica, está proibido de frequentar qualquer ZBM, boteco ou arriscar jogar uma caixeta, pif-paf ou truco. Nem arriscar fazer uma fezinha no Leão ele está podendo, dar palpites para o milhar, menos

Economia ou oportunismo?

Apesar do clima de desconfiança que ronda o interesse dos políticos pela PEC (Proposta de Emenda à Constituição) que trata da prorrogação do mandato de prefeito e vereadores até o ano de 2.022, há uma forte de tendência de que o objetivo possa ser alcançado. A proposta, de autoria do deput
Banner
Banner
Banner
Banner