You must be live and work in the UK Payday loans Have a history of poor borrowing

Tribuna de Nobres

21/10/2018
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Home Colunas

Colunas

CAMPO ABERTO E OUTRAS POSSIBILIDADES

Ainda é bastante prematura qualquer abordagem sobre esse choque sofrido pela comunidade nobrense com o infausto acontecimento que ceifou a vida de Paulina Dias da Silva (Prof.ª Paula), inequivocamente, uma das principais, senão a principal liderança política feminina em Nobres.

A perda, desde já, começa a ser contabilizada a partir desse inesperado acontecimento que chega com a alteração significativa no cenário político regional com a saída de Pedro Taques de cena, após fragorosa derrota nas urnas.

E junto com isso, deputados novos, senadores novos e, enfim, uma bancada federal renovada. As rela√ß√Ķes passam a ser outras em que pese cada um ter sido eleito pelo Estado e n√£o apenas para atender seus eleitores e suas agremia√ß√Ķes pol√≠ticas.

No √Ęmbito da pol√≠tica dom√©stica, em Nobres, a aus√™ncia da prof.¬™ Paula ser√° sentida, doravante, como uma lideran√ßa que tinha nas fam√≠lias o seu terreno favorito para as a√ß√Ķes sociais, seja atrav√©s de aposentadorias, na interlocu√ß√£o com os governantes para a viabilidade de pleitos individuais e coletivos. A l√≠der, rec√©m-desaparecida, foi de uma religiosidade incontest√°vel como catequista e frequentadora ass√≠dua da Igreja Cat√≥lica, estabelecendo contato direto com integrantes de todas as camadas sociais.

A prof.¬™ Paula √© oriunda de uma fam√≠lia eminentemente pol√≠tica, natural de Nobres, nascida no setor rural, com conhecimento, como ningu√©m, das causas sociais, das car√™ncias de sua gente. Sua gente s√£o todos aqueles com os quais convivia, cotidianamente, como integrantes das suas rela√ß√Ķes interpessoais.

Ex comerciante, professora aposentada com base na Sociologia, Paula enveredou pelo campo da política desde aquele dia em que foi convidada a compor, provavelmente, a cota feminina das candidatas do PFL. Presume-se, e ela um dia disse, que seria um convite despretensioso, feito pelos nomes liberais que estiveram com ela.

Nem tão surpreendentemente assim, conquistou uma das vagas ao Parlamento e desde então aflorou o seu lado político que se encontrava apenas a espera de um chamado.

Vereadora até 2012, foi uma combatente nas hostes do então candidato Gilmarzinho da Ecoplan, contribuindo para que aquele chegasse ao governo, tornando-se, mais tarde, a chefe do Gabinete Institucional da Gestão 2013/2016, de onde saiu para se tornar vice-prefeita de Nobres, tendo gasto muita sola de sandálias para conquistar o eleitor, ajudando na eleição do atual prefeito Leocir Hanel.

Ent√£o, sendo essa lideran√ßa que foi, com uma trajet√≥ria de lutas e de conquistas, sem Paula, abre-se uma lacuna no campo pol√≠tico em Nobres, onde, com os resultados das urnas de agora em Mato Grosso, por aqui, h√° um campo aberto e as correntes partid√°rias devem sentar-se para tra√ßar metas e avaliar os n√ļmeros que sa√≠ram das urnas em 07 de outubro.

O Democratas parece que j√° est√° trabalhando a forma√ß√£o de uma nova corrente partid√°ria e h√° movimenta√ß√Ķes nos bastidores onde aparecem aliados do ex-candidato Esmeraldo j√° sendo vistos em outras alas. Tudo indica que parte do grupo que ficou em segundo lugar nas elei√ß√Ķes de 2016, esfacelou-se com sinais de que o reeleito deputado Eduardo Botelho seja a refer√™ncia para a forma√ß√£o de um novo conjunto embora a sua vota√ß√£o por aqui n√£o tenha sido estrondosa.

Com o Democratas no poder central no Estado, a tendência é a de que por aqui muita gente tente alçar voos mais altos.

No PSB, o ex-prefeito de Jaciara, Max Russi, é a maior estrela e seus aliados por aqui devem entrar nessa onda de otimismo com a pretensão de mais uma disputa eleitoral doméstica. Mas pra isso é preciso fortalecer o grupo e renovar pensamentos e nomes.

O PSDB que é situação em Nobres, tem praticamente dois anos para reorganizar a casa e manter a gestão política alinhada com a gestão administrativa, onde o prefeito Leocir Hanel é o principal nome, com o vereador André Avelino entre os tucanos ao lado da vereadora Zaira Valandro, também pertencente a sigla. Enfim, é hora de repensar e de buscar reorganizar-se.

E o PSD n√£o deixa por menos, com tr√™s vereadores, cada um seguindo em dire√ß√Ķes diferentes, e a agremia√ß√£o sem rumo. Salvo se o ex-prefeito Gilmarzinho resolver ‚Äėrearrumar‚Äô a casa e voltar a exercer a sua inconteste lideran√ßa, mantida h√° mais de uma d√©cada. Outro que pode contribuir pela reorganiza√ß√£o do PSD √© o l√≠der rural e sub prefeito Acendino Mendes.

√Č claro, sem a presen√ßa da inesquec√≠vel Paula.

De outra parte, o ex-prefeito Flávio Dalmolin também é uma liderança política por estas bandas e com a eleição de Xuxu Dal Molin, vê o seu prestígio inalterado e com chances de ditar ordens por aqui.

O curioso é que algumas vozes que se erguiam com um certo rompante em relação ao cargo majoritário para 2020, em Nobres, parece que ficaram sem chão por conta das urnas de agora.

Mas a verdade √© que o cen√°rio pol√≠tico, sem ela, est√° aberto, mas n√£o a qualquer um... a qualquer pseudo lideran√ßa. H√° que se ter densidade eleitoral e livre tr√Ęnsito em todas as camadas sociais, a vaga ser√° preenchida atrav√©s de ‚Äúteste seletivo‚ÄĚ popular, habilite-se se puder e se preencher os pr√©-requisitos.

 

Hora de votar

Campanha feita, com todos os recursos tecnol√≥gicos poss√≠veis, debates, reuni√Ķes e corpo a corpo, agora √© a vez de o eleitor manifestar-se perante a urna. Agora √© na individualidade e a cabe√ßa tem que estar fresca para que a escolha aconte√ßa de

Investimento social

A administração municipal que investe em obras para a estruturação de bairros pobres, só aí já terá dado passo importante para a busca da contenção de uma sangria desatada que significa as demandas sociais apresentadas em ambientes perifér

Last Updated ( Saturday, 01 September 2018 13:11 )

Raz√£o desconsiderada

O impasse gerado entre a categoria dos profissionais da Educa√ß√£o e o Executivo municipal est√° longe de terminar em Nobres. Nenhum dos dois lados cede e o prazo para que os alunos voltem a estudar est√° sendo esticado. As negocia√ß√Ķes est√£o emper

Crise onde n√£o h√° crise

Um epis√≥dio que vem sendo alardeado na cidade atrav√©s das redes sociais revela o imediatismo nas decis√Ķes, via de regra, intempestivas, que em nada contribuem para o processo democr√°tico. S√£o as atitudes revanchistas de quem quer fazer oposi√ß√£

TRINCHEIRA LIV

Crise de Relacionamento I

Informa√ß√Ķes d√£o conta de que o m√©dico Esmeraldo Ribeiro deixou o Hospital Laura de Vicu√Īa. Uma pessoa ligada ao m√©dico lembra que pode ter havido antecipa√ß√£o do processo pol√≠tico, raz√£o porque vinha sendo pressionad

Last Updated ( Thursday, 18 October 2018 23:13 )

Jogo de xadrez

O trade tur√≠stico vive uma situa√ß√£o ilus√≥ria, onde querer n√£o √© poder. Ou seja, o desejo de melhorar as instala√ß√Ķes, de se adequar melhor cada receptivo sempre esbarra num velho problema, a falta de comprova√ß√£o da propriedade para poder con

Last Updated ( Saturday, 27 January 2018 13:28 )

TRINCHEIRA LIII

A Esperar

Como diria Erasmo Carlos... nós, aqui... sentados à beira do caminho a esperar pela conclusão das obras de infraestrutura turística na cidade de Nobres. A esperar morreu um burro, dizia uma velha frase popular. Jó, o personagem bíblico


Last Updated ( Saturday, 21 April 2018 13:55 )

Hora de definição

A administra√ß√£o municipal de Nobres, atrav√©s do prefeito Leocir Hanel (PSDB), ter√° que se alinhar politicamente a partir do ano que vem; que √© quando haver√° essa necessidade, de apoiar nomes e quadros pol√≠ticos que estar√£o na disputa majorit√

  • «
  •  Start 
  •  Prev 
  •  1 
  •  2 
  •  3 
  •  4 
  •  5 
  •  6 
  •  7 
  •  8 
  •  9 
  •  10 
  •  Next 
  •  End 
  • »
Page 1 of 37

TRINCHEIRA LIV

Crise de Relacionamento I Informa√ß√Ķes d√£o conta de que o m√©dico Esmeraldo Ribeiro deixou o Hospital Laura de Vicu√Īa. Uma pessoa ligada ao m√©dico lembra que pode ter havido antecipa√ß√£o do processo pol√≠tico, raz√£o porque vinha sendo pressionado dentro do servi√ßo privado. De outra parte, cons

Hora de votar

Campanha feita, com todos os recursos tecnol√≥gicos poss√≠veis, debates, reuni√Ķes e corpo a corpo, agora √© a vez de o eleitor manifestar-se perante a urna. Agora √© na individualidade e a cabe√ßa tem que estar fresca para que a escolha aconte√ßa dentro da normalidade, sem que a sua decis√£o seja t