You must be live and work in the UK Payday loans Have a history of poor borrowing

Tribuna de Nobres

28/05/2020
Tamanho do texto
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Home Colunas

Colunas

Obra paralisada e descaso

Já passava da hora de o prefeito Gilmarzinho da Ecoplan tomar uma atitude em relação ao descaso com que o Ministério do Turismo vem tratando a administração municipal de Nobres. Tantos os empecilhos para o resgate de um convênio formalizado na gestão anterior (2009/2012) e abandonado, quando o prefeito Gilmarzinho da Ecoplan teve que acionar a justiça para recuperar o convênio.
Depois veio a Ordem de Servi√ßo para tocar a obra, em seguida a ordem foi sobrestada por conta das elei√ß√Ķes gerais no Brasil, exatamente quando a Caixa Econ√īmica teve que acatar of√≠cio cancelando o que j√° fora autorizado.
Quando a 'rerereliberação' da ordem de serviço aconteceu, os tapumes da obra perderam a validade e se deterioraram, causando muitos esculachos nas redes sociais contra a administração municipal, quando a irresponsabilidade era toda do Governo Federal.
Depois de tudo isso, a obra teve in√≠cio e a Caixa Econ√īmica finalmente liberou duas etapas, correspondentes a 30% e a 20% do total dos servi√ßos. Com cerca de R$ 195.000,00 restantes para a conclus√£o da obra, o Governo Federal empacou e toda vez em que a conta √© acessada, sempre o status √© o de "pend√™ncia" ou "aguardando desbloqueio", num descaso total para com o munic√≠pio de Nobres e todos aqueles que se utilizam do transporte coletivo intermunicipal e interestadual.
Nesse √≠nterim, confiando na libera√ß√£o do valor total atrav√©s da Caixa Econ√īmica, a administra√ß√£o municipal alugou um im√≥vel para funcionamento provis√≥rio da rodovi√°ria. O tempo vem passando, a crise econ√īmica causada pela roubalheira do dinheiro do povo em Bras√≠lia se estabelecendo e o munic√≠pio tendo que arcar com o √īnus do aluguel do im√≥vel e sem conseguir a libera√ß√£o do recurso para a finaliza√ß√£o da obra.
Finalmente, o prefeito Gilmarzinho da Ecoplan resolveu tomar uma atitude mais dr√°stica, acionando judicialmente o Governo Federal e a Caixa Econ√īmica pelas despesas no atraso do repasse, de meros R$ 195.000,00. E o que √© essa quantia perto da compra de uma empresa "enferrujada", como √© o caso da Refinaria de Pasadena (EUA)?
S√≥ este ano, o "impost√īmetro" eletr√īnico j√° havia captado, numericamente, dados de perto de um quatrilh√£o de reais de impostos e o Governo Federal segue sem rumo, batalhando ferrenhamente para a cria√ß√£o de mais um imposto, a "enterrada" CPMF (imposto sobre o cheque), numa atitude que visa espoliar mais e mais o povo brasileiro.
O pa√≠s est√° sem rumo, politicamente emperrado e economicamente inviabilizado, e a governante tentando manter-se no poder √† base da pol√≠tica de troca de favores, fato que coloca todas as gest√Ķes p√ļblicas municipais em xeque, quando a responsabilidade √© do Governo Federal, que administra muito mal o grande bolo tribut√°rio e lan√ßa m√£o do dinheiro do povo para alimentar sua s√ļcia, encastelada no Congresso Nacional, hoje, uma casa desmoralizada e chefiada por elementos inescrupulosos e notoriamente corruptos.
E aqui, neste min√ļsculo territ√≥rio, denominado de Nobres, a m√° gest√£o a partir de Bras√≠lia tem seus rescaldos sobre a libera√ß√£o de quantia irris√≥ria para a conclus√£o de uma obra do tamanho de um gr√£o de areia dessa enorme praia chamada Brasil.
Vai ver que essa não é a praia da dona Dilma, muito dada a pedalar... com o dinheiro que não é seu.

 

Respeito ao povo rural

As a√ß√Ķes desenvolvidas na zona rural, no que dependa da participa√ß√£o do setor p√ļblico municipal, est√£o dentro dos par√Ęmetros estabelecidos pela administra√ß√£o municipal. Nunca o setor rural recebeu tamanha e tanta aten√ß√£o de uma gest√£o p√ļ

A droga roubando a puberdade

Para os mais frios e habituados com os dados estatísticos, esse foi mais um caso a acrescentar na lista das vítimas das drogas. Para a família da jovem morta por esganadura em Nobres, foi e ainda é a perda irreparável de uma ainda menina e já t

TRINCHEIRA XLIV

Batendo à Porta

Integrantes da CPI da Sonega√ß√£o Fiscal foram parar em um endere√ßo onde, supostamente, funcionaria uma empresa que opera com gr√£os do famoso mercado de ‚Äúcommodities‚ÄĚ do agroneg√≥cio ‚Äúda China‚ÄĚ. Eis que os deputados estaduai



































































































































Last Updated ( Wednesday, 03 February 2016 18:55 )

De louco...

‚ÄúDizem que de louco todo mundo tem um pouco‚ÄĚ, segundo Augusto Branco. Como nem sempre √© poss√≠vel ganhar notoriedade por assumir posturas normais e ter atitudes iguais a de todo mundo, o cidad√£o tira uma onda de louco e produz o que lhe vem √†

Pré-requisitos básicos

Quem ser√° o futuro prefeito de Nobres? Qual √© o perfil do futuro gestor? O que se espera de um candidato a candidato? E como estar√° o munic√≠pio para receber esse novo gestor? S√£o questionamentos que surgem a partir do momento em que as paix√Ķes









‚ÄúVem, e segue-me...‚ÄĚ

A transfer√™ncia do governador Pedro Taques, do PDT para o PSDB, pode provocar uma revoada em dire√ß√£o ao ninho tucano, o mais novo abrigo daqueles que j√° se habituaram ao ritual de acompanhar prociss√£o, ainda que a sua ‚Äúf√©‚ÄĚ pol√≠tica n√£o se

Crise literal

A situa√ß√£o atual em que vive o estado brasileiro j√° n√£o √© apenas econ√īmica, mas avan√ßou pelo campo pol√≠tico, social e moral de consequ√™ncias desastrosas para o povo. A cada dia uma nova descoberta de casos de corrup√ß√£o e nem mesmo o futebo







TRINCHEIRA XLIII

Dom Quixote
As narrativas de Dom Quixote realmente s√£o uma par√≥dia da realidade e o Cavaleiro da Triste Figura "inventa" hist√≥rias e tenta satirizar a verdade com seus relatos hil√°rios e suas opini√Ķes contradit√≥rias, extra√≠das do seu imagin√°ri





































































































































































































































































































Last Updated ( Wednesday, 21 October 2015 19:10 )

Page 9 of 39

TRINCHEIRA LVII

Fatos Novos Tem gente se roendo para saber como anda os bastidores da política em Nobres. Parece que não há céu de brigadeiro e muita gente anda acreditando em revolução. Será mesmo? Muito boato sendo espalhado e nada de novo, salvo a confirmação daquilo que todos já sabiam, que Esmeraldo f

Protagonismo democr√°tico

A construção de uma quantidade está longe de representar qualidade, mas é possível estabelecer uma amálgama entre esses dois elementos? Quando o cenário é político, a fusão de quantidade e qualidade talvez ocorra, mas só será possível medir esse resultado quando todas as variantes se co