Nobres prepara festa para brindar sucesso do evento mais esperado dos últimos anos

Friday, 27 November 2009 20:26 administrator
Print

site010A assinatura do convênio que dará direito à realização do georreferenciamento no município de Nobres foi apenas o pontapé inicial ao processo que se desencadeará a partir da assinatura da ordem de serviço para a liberação dos recursos. Esse talvez seja um dos momentos mais desejados por todos os segmentos sociais do município e que abrirá caminho a uma série de outras alternativas sociais e econômicas e para o alavancamento do turismo em Nobres.

"O governo de Mato Grosso deu o primeiro passo para regularização da área turística de Nobres com a assinatura do Termo de Cooperação de Execução celebrado entre a Secretaria de Estado de Turismo e o Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat), na manhã do dia 06 de novembro, na Sedtur. A Secretaria repassará o recurso de R$ 760 mil, para que o Intermat licite uma empresa especializada em georreferenciamento e promova o levantamento topográfico na área de 49 mil hectares no assentamento Coqueiral/ Quebó", segundo o site da Secom/MT.

O prefeito José Carlos da Silva (PP) joga com a sorte, mas não pode prescindir da competência para gerir os destinos de Nobres a partir de então, com os horizontes se abrindo para que o município deixe de ser um produto turístico embrulhado e guardado na prateleira; ou seja, deixe de ser potencial para ser uma nova realidade turística aos olhos do mundo neste período de pré-Copa de 2.014.
A vitória será de todos os prefeitos e vereadores que Nobres já teve embora seja neste governo que a festa de fato acontecerá, com o prazer da realidade palpável e com as portas se abrindo ao futuro desta terra como nova fronteira do turismo. Mas, antes que tudo ocorra, há uma longa batalha pela frente, a partir do olhar voltado para a sede do município, que precisa ganhar uma nova imagem, que não seja essa, acanhada, disforme e com problemas ambientais graves.

Quis o destino que o fato se desse no governo do Partido Progressista, então, a responsabilidade aumenta, mas não se pode deixar de comemorar o grande feito, talvez, o que furtará o desejo dos pessimistas, de ver o circo em chamas e o governo municipal ardendo no seu interior.

Last Updated ( Monday, 30 November 2009 12:59 )